Dia 11 de maio, Paulo Braga no Sesc Pinheiros

Anúncios

Programa Ecos na Cidade

Agenda agosto/setembro 2010

Além do show do novo CD ” Muita Hora nessa Calma” , em agosto e setembro, o pianista faz show com Arrigo Barnabé, acompanha o músico Eduardo Ribeiro no Festival Percussivo e se une ao seu Trio 3 – 63 em show na Lapa – Rio de Janeiro.

Confira a agenda :

Dia 29/Agosto- Casa de Francisca- 0h30- CAIXA DE ÓDIO ” O UNIVERSO DE LUPICÍNIO RODRIGUES;
 
Dia 31/Agosto- Auditório da EMESP Luz 20h00- Encontro Percussivo EMESP/UNESP- Show com Edu Ribeiro

 Dia 12/Setembro Casa de Francisca- 0h30- CAIXA DE ÓDIO ” O UNIVERSO DE LUPICÍNIO RODRIGUES;
 
Dia 15/Setembro- Lapinha ( Rio de Janeiro) – Trio 3-63;
 
Dia 16/Setembro- Centro Cultural São Paulo – 12h30- CAIXA DE ÓDIO ” O UNIVERSO DE LUPICÍNIO RODRIGUES;
 
Dia 16/Setembro- Sala Funarte Sidney Muller( Rio de Janeiro) 19h00- Trio 3-63;
 
Dia 17/Setembro- Centro Cultural São Paulo – 19h30- CAIXA DE ÓDIO ” O UNIVERSO DE LUPICÍNIO RODRIGUES;
 
Dia 19/Setembro- Casa de Francisca- 0h30- CAIXA DE ÓDIO ” O UNIVERSO DE LUPICÍNIO RODRIGUES;
 
Dia 20/Setembro- Museu da Casa Brasileira -11h00- Muita hora nessa calma- Piano Solo

Muita Calma nessa Hora é top 20

O CD do pianista Paulo Braga, lançado este ano, está entre os mais vendidos do mês na distribuidora Tratore.

Confira

Casa de Francisca Retoma Tradição dos Anos 70 e 80

 Sessão “Maldita” à Meia Noite e Meia Inaugurada por Arrigo Barnabé

Estréia dia 12 de junho, à meia noite e meia, e não por acaso no Dia nos Namorados, a “Sessão Maldita” voltado aos notívagos, solitários e desocupados da noite paulistana.

Nesse mesmo dia em que a Casa oferece show de Maurício Pereira às 20h30 (com menu fixo voltado para os casais de namorados), dá-se inicio as sessões com performance emblemática de Arrigo Barnabé interpretando Lupicínio Rodrigues, o precursor da “dor-de-cotovelo”.

“Sessão Maldita” com Arrigo Barnabé “Caixa de ódio” – o universo de Lupicínio Rodrigues com o pianista Paulo Braga e Sergio Espíndola Sábados,

“Não acredito em nada que não tenha angústia, isso talvez é o que mais me atrai nas canções de Lupi cínio, e também a raiva, gosto muito de trabalhar com a raiva, a revolta. Nele tudo é verdadeiro, e raiva e angústia é meio difícil fingir. Por essa observação penetrante do ser humano nas situações limites da dor amorosa, por esse humor que permeia as canções, um humor voltado para a ironia e o sarcasmo, por tudo isso estava atravessada a vontade de cantar Lupicínio”. Arrigo Barnabé

Quando: nas  madrugadas dos sábados 12, 19 e 26 de junho

horário : 00h30

Quanto : R$ 53,00

Onde: Casa de Francisca

Rua José Maria Lisboa,190 (Travessa da Brigadeiro Luis Antonio)

Tel.: 11 3052 0547

Nhonhô da Botica – Paulo Braga